Lewis Hamilton revela inspiração e angústias de infância em entrevista à Eleven Sports

By 08/11/2019ELEVEN
[vc_row type=”in_container” full_screen_row_position=”middle” scene_position=”center” text_color=”dark” text_align=”left” overlay_strength=”0.3″ shape_divider_position=”bottom”][vc_column column_padding=”no-extra-padding” column_padding_position=”all” background_color_opacity=”1″ background_hover_color_opacity=”1″ column_shadow=”none” column_border_radius=”none” width=”1/1″ tablet_text_alignment=”default” phone_text_alignment=”default” column_border_width=”none” column_border_style=”solid”][vc_column_text]Lewis Hamilton sagrou-se hexacampeão mundial de F1 no passado fim-de-semana ao garantir o segundo lugar no GP USA, mas o piloto britânico tem sido notícia esta semana em Portugal por outros motivos.

Em entrevista, que vai para o ar hoje, às 23h, no programa Planeta Eleven, Lewis Hamilton falou sobre desafio de ser piloto e, de forma emocionada, falou do seu irmão mais novo, que diz ser a sua inspiração. Recorde-se que Nicolas Hamilton compete atualmente no Campeonato Britânico de Carros de Turismo, num carro especialmente modificado devido à paralisia cerebral que lhe limita os movimentos e o deixou preso a uma cadeira de rodas.

“Gosto da ideia de conseguir levantar-me depois de cair. Levantar-me e seguir o meu caminho. Lembro-me do meu irmão, que cresceu com tantas limitações. Ele cairia e levantar-se-ia imediatamente, sem nunca reclamar”, afirma Lewis Hamilton.

Ao recordar a perseverança do irmão, Lewis Hamilton entende que esse é um princípio que orienta a sua carreira e a sua vontade de querer sempre mais: “olho para grandes pessoas que alcançaram feitos notáveis e que passaram por momentos difíceis, que recuperaram e reagiram, alcançando, de novo, grandes feitos. Tento fazer o mesmo, à minha maneira”.

Em entrevista, o piloto britânico falou também sobre a sua infância e confessou ter sido vítima de bullying na escola.

“Sofri de bullying na escola, fui gozado, não era um miúdo grande, era dos mais pequenos. Lembro-me de ser gozado. Lembro-me de perguntar ao meu pai se podia ir para o karaté, queria poder defender-me. Se há famílias onde os miúdos sofrem de bullying, deviam colocá-los a aprender karaté ou outro tipo de arte marcial porque dá-te imensa confiança para saíres à rua”.

Lewis Hamilton partilhou um relato único e emocionante que pode ser visto hoje no programa Planeta Eleven (Eleven Sports 1), a partir das 23h.

Siga-nos nas Redes Sociais:

Facebook: ElevenSportsPortugal
Twitter: ElevenSports_PT
Instagram: elevensportspt 
LinkedIn: Eleven Sports HQ[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Leave a Reply