A PORSCHE E O GLAMOUR DO MÓNACO

By 23/05/2019Porsche SuperCup

Se há cenário em que um Porsche faz todo o sentido esse é Monte Carlo. Agora imagine mais de três dezenas de 911 às voltas nas ruas do Mónaco, um local quase de sonho para a grande maioria das pessoas e um carro de sonho.

E é isso que vamos ter no domingo na segunda ronda da Porsche Supercup. Em Barcelona, o piloto júnior da casa de Zuffenhausen foi intratável. Julien Andlauer fez pole position, vitória e volta mais rápida e em nenhum momento esteve em dúvida a sua vitória. Por isso na chegada ao principado o francês tem de ser apontado como o grande favorito e o homem a bater.

E aí aparecem na primeira linha Michael Ammermuller, campeão nos últimos dois anoS, joga com armas iguais a Andlauer, já que é o seu companheiro de equipa na BWT Lechner Racing. Venceu aqui em 2017 e tem mais cinco pódios em Monte Carlo, pelo pode ser o principal rival do líder do campeonato.

Na outra equipa liderada por Walter Lechner está Tio Elinnas, e o cipriota ficou muito perto do pódio em Barcelona, enquanto o seu colega de equipa Dylan Pereira precisa de corrigir o desempenho em Espanha. Também Florian Latorre desiludiu no arranque do ano e precisa de se chegar ao grupo da frente. Melhor esteve o seu companheiro de equipa na Fach Auto Tech Jaxon Evans.

A grande surpresa foi o turco Ayhancan Guven, que confirmou o que tinha feito nos testes de pré-temporada e foi quem mais perto esteve de bater Andlauer ao terminar em segundo.

O vencedor deverá sair de um destes pilotos, mas se há pista imprevisível é esta em Monte Carlo e o maior desafio passa logo por sobreviver à primeira curva.

Domingo a partir das 9h25 em directo na Eleven Sports 3 esperamos pela sua companhia para ver quem sucede a Nick Yelloly e recebe o troféu das mãos do Príncipe Alberto.